Marcelo Silva Sader

Produção Científica

Velocidade de propagação do fluxo mitral em gatos saudáveis e não sedados

Objetivou-se estabelecer os valores da Vp e sua correlação com outros índices ecocardiográficos em gatos domésticos saudáveis e não sedados.

  jan 22, 2015     20:52
A velocidade de propagação do fluxo mitral (Vp) é um índice utilizado para avaliação da função diastólica do ventrículo esquerdo. Sua importância nas cardiopatias em humanos e pequenos animais vem sendo estudada; porém, há poucos trabalhos avaliando essa variável em gatos domésticos.

Nessa espécie, estudos utilizando animais saudáveis e não sedados não foram encontrados na literatura. Dessa forma, objetivou-se estabelecer os valores da Vp e sua correlação com outros índices ecocardiográficos em gatos domésticos saudáveis e não sedados, de forma a fornecer novas perspectivas relacionadas à função diastólica nessa espécie. Foram utilizados 26 gatos domésticos clinicamente saudáveis, submetidos à ecocardiografia para se avaliar a condição cardíaca dos animais.

As variáveis idade, frequência cardíaca (FC), área de superfície corporal (SAC), idade, onda de enchimento ventricular inicial (E mitral) e tardio (A mitral), tempo de relaxamento isovolumétrico (TRIV) e a relação E/TRIV foram correlacionadas com a Vp. No presente estudo não foi observada correlação da Vp com nenhuma das variáveis estudas, exceto com a FC e o SAC.

Quanto à análise de variabilidade, foi observado um maior valor para a análise inter-observador. O estudo permite concluir que a Vp demonstrou ser um índice útil para se estimar o relaxamento ventricular esquerdo em gatos domésticos saudáveis e não sedados, além de fornecer valores de referência para essa variável.

Fonte: Arq. Bras. Med. Vet. Zootec. vol.66 no.1 Belo Horizonte jan./fev. 2014




Autor

Marcelo Silva Sader

Médico veterinário com especialização em análise de sistemas. Foi um dos precursores no desenvolvimento de sistemas para veterinários. Atualmente escreve para o NetVet News e trabalha em aplicativos e aplicações web para o mercado veterinário.

Comentários

Este post não possui nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário

 


  Respondendo ...