Regina Ripamonti

Atualidades e Meio Ambiente

Tráfico de animais em garrafas PET

Contrabandistas armazenam 24 cacatuas-de-crista-amarela, aves ameaçadas de extinção, em garrafas pet, para alimentar o mercado negro

  mai 05, 2015     12:41
Tráfico de animais em garrafas PET
Segundo a União Internacional de Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN), as cacatuas-de-crista-amarela, são aves que se encontram em um nível crítico de extinção.

Elas seriam vendidas no mercado internacional de animais silvestres, por cerca $ 650 dólares, quando oficiais interceptaram a carga junto aos contrabandistas que tentavam passar pela alfândega, no porto de Tanjung Perak, na província de Java Oriental, em Surabaya, na Indonésia. Em países da Ásia, do Oriente Médio e da Europa, o mercado ilegal de aves exóticas movimenta fortunas anualmente.

As aves foram encontradas entalados em PETs de água mineral, incapazes de se mover, correndo risco de morte por asfixia, simplesmente por que há quem pague pela morte dos 40% dos animais contrabandeados no transporte e pelos riscos do contrabando. Após a descoberta, os oficiais livraram as aves das garrafas para que recebessem assistência veterinária e as soltaram em uma mata.

A cacatua-de-crista-amarela ou Cacatua sulphurea é endêmica da Indonésia e Timor-Leste, reproduzem-se muito lentamente e põem ovos apenas uma vez por ano, com produção de apenas dois filhotes por vez, mas chegam a viver de 60 a 80 anos. Essas espécies variam em tamanho de 30 a 40 centímetros de comprimento e diferenciam-se pela sua crista amarela. De acordo com uma pesquisa da BirdLife International (IBA) de 2007, que estimou a população selvagem em menos de 7.000 indivíduos pássaros livres, sendo que a maioria vive em áreas da Indonésia, Komodo e Timor Leste.

Para saber mais, leia:
Illegal Pet Trade Wiping Out Yellow-Crested Cockatoos
John R. Platt
Indonesie. 24 cacatoès enfermés dans des bouteilles pour passer la douane




Autor

Regina Ripamonti

Formada em Biologia e Pedagogia e com mais de 25 anos de atuação na área de Educação, Regina Ripamonti usará seu espírito investigativo e crítico para trazer assuntos de interesse veterinário e de educação ambiental, na busca de redefinição das relações do ser humano com o meio ambiente e a reafirmação de sua interdependência.

Relacionados

Conheça o "coelho mágico" da China
Conheça o "coelho mágico" da China

"O Ano do Lobo-Guará"
"O Ano do Lobo-Guará"

Pangolim - o mamífero mais traficado do mundo
Pangolim - o mamífero mais traficado do mundo

Prostituição de orangotangos
Prostituição de orangotangos

Comentários

Este post não possui nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário

 


  Respondendo ...