Marcelo Silva Sader

Produção Científica

Dinâmica vegetacional em pastagem natural com e sem o uso de herbicida

Avaliação os possíveis efeitos do uso do herbicida e da introdução de espécies de estação fria na dinâmica vegetacional da pastagem natural.

  jan 29, 2015     20:05
Neste trabalho, objetivou-se avaliar os possíveis efeitos do uso do herbicida e da introdução de espécies de estação fria na dinâmica vegetacional da pastagem natural.

Os tratamentos foram: pastagem natural com roçadas anuais (CN); pastagem natural melhorada com introdução de espécies de estação fria e com adubação anual (CNI); idem ao anterior, mas com uma aplicação de glifosato (G1); idem ao anterior, porém com três aplicações de glifosato (G3); idem ao G3, mas com o dobro da adubação anual (GA3).

A semeadura de trevo branco, cornichão e azevém anual foi feita a lanço, sendo esta precedida da aplicação do herbicida glifosato. O sistema de pastejo foi o contínuo com lotação variável. A composição botânica observada foi diferente (p < 0,06) entre os tratamentos que não receberam aplicação de glifosato e aqueles em que se fez o uso do mesmo.

A composição botânica dos tratamentos entre os períodos não apresentou variação (p = 0,57). O uso do herbicida glifosato permite eficiente estabelecimento das espécies introduzidas. Entretanto, não se recomenda a utilização desta prática por esta modificar a composição florística da pastagem natural.

Veja mais...




Autor

Marcelo Silva Sader

Médico veterinário com especialização em análise de sistemas. Foi um dos precursores no desenvolvimento de sistemas para veterinários. Atualmente escreve para o NetVet News e trabalha em aplicativos e aplicações web para o mercado veterinário.

Relacionados

Comentários

Este post não possui nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Deixe seu comentário

 


  Respondendo ...